Defesa da 1ª dissertação do Mestrado em Gestão de Recursos Humanos da Universidade de Santiago

Decorreu hoje, na US, a primeira defesa de dissertação do Mestrado em Gestão de Recursos Humanos. Sob o tema “Avaliação de Desempenho no Setor da Saúde e a (des)Valorização do Capital Humano", Suely de Carvalho defendeu a sua dissertação de mestrado, tendo obtido 18 valores. “Fico muito satisfeita e contente, porque é mais uma etapa que eu consegui vencer. Acredito que por ter sido vai ser, com certeza, uma motivação para as colegas. Enfim, estou muito feliz, consegui!"

Assim se resume o trabalho da agora, mestre Suely: A Busca de uma nova gestão pública, que procure prestar serviços ao cidadão com qualidade e humanização tem sido o alvo a ser alcançado pela Administração Pública Cabo-verdiana. Neste prisma, o estudo das pessoas dentro das organizações apresenta-se como um fator estratégico e, dentro deste, o acompanhamento e desempenho do capital humano, que por motivos de remodelação do novo sistema de avaliação não têm sido realizados, provocando instabilidade no clima organizacional. A Avaliação de Desempenho no serviço nacional de saúde é um desafio para os gestores que, diante da complexidade quanto aos fatores motivacionais, necessitam de ferramentas e conhecimento que auxiliem no processo da tomada de decisão.

Obter lucro e resultados imediatos não é a essência do setor da saúde, e sim a humanização nos serviços prestados ao cidadão. Diante da inexistência de avaliação por objetivo na atenção primária à saúde, o tema Avaliação de Desempenho no Setor da Saúde e a (des)Valorização do Capital Humano visa identificar os fatores de resistência à aplicabilidade do modelo de avaliação de desempenho por objetivo e compreender se a inexistência de avaliação de desempenho afeta a valorização do capital humano e a qualidade do serviço.

 

Andreia Pereira